Liturgia diária

Agenda litúrgica

2019-05-12

DOMINGO IV DA PÁSCOA

Branco – Ofício próprio (Semana IV do Saltério). Te Deum.
+ Missa própria, Glória, Credo, pf. pascal.

L 1 Act 13, 14. 43-52; Sal 99 (100), 2. 3. 5
L 2 Ap 7, 9. 14b-17
Ev Jo 10, 27-30
* Proibidas todas as Missas de defuntos, mesmo a exequial.
* Domingo do Bom Pastor.
* Dia Mundial de Oração pelas Vocações.
* Em todas as Dioceses de Portugal – Começa hoje a Semana da Vida.
* Na Diocese do Algarve – Dia da Solidariedade e Partilha: ofertório para o Instituto de Sustentação do Clero.
* Na Diocese de Angra – Ofertório para a Pastoral das Vocações e Seminário.
* Na Diocese de Beja – Ofertório para a Casa Episcopal.
* Na Diocese de Bragança-Miranda – Ofertório para o Instituto Diocesano do Clero.
* Na Diocese da Guarda – Ofertório para a Fundação Nun’Álvares.
* Na Diocese do Porto – Ofertório para as Vocações.
* Na Diocese de Viana do Castelo – Ofertório para o Instituto Especial do Clero.
* Na Congregação de Nossa Senhora da Caridade do Bom Pastor – Cristo, Bom Pastor, Padroeiro da Congregação.
* II Vésp. do domingo – Compl. dep. II Vésp. dom.

 

 

Santo

B. JOANA DE PORTUGAL, virgem

 

S. NEREU e S. AQUILEU, mártires

 

S. PANCRÁCIO, mártir

 

 

Martirológio

São Nereu e Santo Aquileu, mártires, que, como narra o papa São Dâmaso, se tinham alistado como soldados e, constrangidos pelo temor, se preparavam para obedecer às ímpias ordens do magistrado; mas, convertidos ao verdadeiro Deus, deitaram fora os escudos, armaduras e dardos, abandonaram o acampamento e, confessando a fé de Cristo, gozaram o seu triunfo. Neste dia foram sepultados os seus corpos no cemitério de Domitila, junto à Via Ardeatina de Roma.

 

São Pancrácio, mártir, que, segundo a tradição, ainda adolescente morreu por Cristo, também em Roma, a duas milhas na Via Aurélia. Sobre o seu sepulcro, o papa São Símaco levantou uma célebre basílica, e o papa São Gregório Magno reuniu frequentemente o povo nesse lugar, para que ali compreendesse o testemunho do verdadeiro amor cristão. Comemora-se neste dia o seu sepultamento.

 

Beata Joana de Portugal, virgem, filha do rei Afonso V, que, recusando repetidamente as núpcias, preferiu servir na Ordem dos Pregadores, tornando-se refúgio dos pobres, dos órfãos e das viúvas e, depois de uma vida de extraordinária piedade, morreu no mosteiro dominicano de Aveiro, cidade de Portugal.

4.   Em Axiópolis, na Mésia, hoje Cernavoda, na Roménia, São Cirilo, que consumou o martírio juntamente com seis companheiros.

5.   Em Salamina, na ilha de Chipre, Santo Epifânio, bispo, que, dotado de excelente erudição e conhecimento da literatura sagrada, foi também admirável na santidade de vida, zelo pela fé católica, liberalidade para com os pobres e dom de milagres.

6.   Em Agira, na Sicília, região da Itália, São Filipe, presbítero, oriundo da Trácia.

7.   Em Tréveris, na Renânia, região da Austrásia, actualmente na Alemanha, São Modoaldo, bispo, que construiu e favoreceu igrejas e mosteiros, instituiu várias comunidades de virgens e foi sepultado junto da sua irmã Severa.

8*.   No mosteiro de Marchiennes, no território de Cambrai da Austrásia, actualmente na França, Santa Rictrudes, abadessa, que, depois da morte violenta do seu esposo Adabaldo, aconselhada por Santo Amando tomou o sagrado véu e com admirável sabedoria dirigiu as virgens sagradas.

9.   Em Constantinopla, hoje Istambul, na Turquia, São Germano, bispo, insigne pela sua virtude e sabedoria, que refutou com grande firmeza o edito promulgado pelo imperador Leão, o Isáurico, contra as sagradas imagens.

10.     Em Castela, região da Espanha, no lugar posteriormente designado com o seu nome, São Domingos da Calçada, presbítero, que construiu pontes e caminhos para uso dos peregrinos que se dirigiam a São Tiago de Compostela e providenciou com grande piedade às suas necessidades nas celas e estalagens por ele preparadas.

11*.   Em Bolonha, na Emília-Romanha, região da Itália, a Beata Imelda Lambertíni, virgem, que, recebida desde tenra idade entre as monjas da Ordem dos Pregadores, ainda muito jovem, depois de ter comungado com extraordinária devoção a Eucaristia, imediatamente entregou o seu espírito a Deus.