Santos

S. GREGÓRIO VII, papa

 

Nota Histórica

Hildebrando nasceu na Toscana cerca do ano 1028; foi educado em Roma e abraçou a vida monástica; foi várias vezes legado dos papas do seu tempo para a obra da reforma eclesiástica, que ele mesmo continuou corajosamente desde que, em 1073, ocupou a cátedra de S. Pedro com o nome de Gregório VII. Seu adversário principal foi o rei Henrique IV. Morreu desterrado em Salerno, no ano 1085.

 

Missa

ORAÇÃO
Concedei, Senhor, à vossa Igreja o espírito de fortaleza e o amor da justiça que fizestes resplandecer no papa São Gregório VII, para que o povo cristão,vencendo todo o mal, possa livremente promover na caridade tudo o que é bom e recto. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.

 

Liturgia das Horas

Das Cartas de São Gregório VII, papa

(Ep. 64 extra Registrum: PL 148, 709-710) (Sec. XI)

Igreja livre, casta, católica

Em nome do Senhor Jesus, que nos remiu com a sua morte, pedimo-vos e suplicamo-vos que procureis diligentemente informar-vos do motivo e do modo como sofremos tribulações e angústias da parte dos inimigos da religião cristã.
Desde que, por disposição de Deus, a Santa Madre Igreja me colocou no trono apostólico, apesar da minha indignidade e contra a minha vontade (Deus é testemunha), procurei acima de tudo que a santa Igreja, esposa de Deus, nossa senhora e mãe, regressando à condição honrosa que lhe é própria, permanecesse livre, casta e católica. Mas como isso é totalmente oposto aos desejos do antigo Inimigo, este armou contra nós os seus satélites para que tudo sucedesse ao contrário.
Por isso, tanto mal fez contra nós, ou melhor contra a Sé Apostólica, quanto não conseguira desde o tempo do imperador Constantino Magno. Nem é de admirar muito, porque, quanto mais o tempo se aproxima, tanto mais ele se esforça por extinguir a religião cristã.
Agora, porém, meus irmãos caríssimos, ouvi com atenção o que vos digo. Todos os que, no mundo inteiro têm o nome de cristãos e conhecem verdadeiramente a fé cristã, sabem e acreditam que São Pedro, príncipe dos Apóstolos, é o pai de todos os cristãos e o primeiro pastor, depois de Cristo, e sabem que a santa Igreja Romana é a mãe e mestra de todas as Igrejas.
Portanto, se acreditais nisto e professais firmemente, eu, vosso irmão e vosso mestre, ainda que indigno, peço-vos e ordeno-vos que, por amor de Deus omnipotente, ajudeis e socorrais este vosso pai e esta vossa mãe, se desejais alcançar por seu intermédio a absolvição de todos os pecados, a bênção e a graça, neste mundo e no outro.
Deus omnipotente, de quem procedem todos os bens, ilumine sempre a vossa alma e a fecunde com o seu amor e o amor do próximo, a fim de que, pela vossa constante dedicação mereçais a recompensa de São Pedro, vosso pai na fé, e da Igreja, vossa mãe, e chegueis sem temor a gozar da sua companhia. Amen.