Martirológio Romano

Dec 12, 2017

 

Nossa Senhora de Guadalupe, no México, cujo auxílio materno a grande multidão do povo implora humildemente na colina de Tepeyac, perto da cidade do México, onde ela apareceu, saudando-a confiadamente como estrela da evangelização dos povos e protectora dos indígenas e dos pobres.

 

2.   Comemoração dos santos mártires de Alexandria Epímaco e Alexandre, que, no tempo do imperador Décio, depois de longa prisão e vários tormentos, foram queimados vivos por causa da sua fé em Cristo. Com eles sofreram o martírio as santas Amonária, virgem, Mercúria, Dionísia e outras; temendo o juiz sentir-se vencido pela coragem das mulheres e receando que, embora usasse contra elas os mais inauditos suplícios, não conseguisse vencer a sua constância, ordenou que fossem imediatamente degoladas.

(† 250)

3.   Na ilha de Chipre, Santo Espiridão, bispo, verdadeiro pastor das ovelhas, cujos feitos admiráveis estavam na boca de todos.

(† c. 348)

4*.   Em Clonard, na Hibérnia, actual Irlanda, São Finiano, abade, que fundou muitos mosteiros e foi pai e mestre de uma grande multidão de monges.

(† 549)

5*.   Em Quimper, na Bretanha Menor, na hodierna França, São Corentino, venerado como o primeiro bispo desta cidade.

(† s. VII/VIII)

6*.   Em Le Dorat, no território de Limoges, na Aquitânia, actualmente também na França, Santo Israel, presbítero e cónego regrante, que prestou grande ajuda ao bispo na pregação da palavra de Deus.

(† 1014)

7*.   Em Neumünster, na região do Holstein, na Alemanha, o dia natal de São Vicelino, bispo de Oldenburg, que se dedicou totalmente à evangelização dos Eslavos.

(† 1154)

8*.   Em Célloli, localidade da Etrúria, hoje na Toscana, região da Itália, o Beato Bártolo Buonpedóni, presbítero, que, atingido pela lepra aos sessenta anos, obteve dispensa da paróquia e, vestindo o hábito da Ordem Terceira de São Francisco, se retirou numa leprosaria, onde atendia pacientemente a todos os que ali se encontravam recluídos.

(† 1300)

9*.   Em Bástia, perto de Assis, na Úmbria, região da Itália, o Beato Conrado de Óffida, presbítero da Ordem dos Menores, que amou e buscou a humildade e a primitiva pobreza da Ordem.

(† 1306)

10*.   Em Nápoles, na Campânia, também região da Itália, a comemoração do Beato Tiago Capócci, bispo, que, sendo eremita de Santo Agostinho, foi chamado a dirigir a Igreja de Benevento e depois a de Nápoles, iluminando-as com a sua sabedoria, doutrina e prudência.

(† 1308)

11.   Em Hué, no Anam, hoje no Vietnam, São Simão Phan Dac Hoa, mártir, que, sendo médico e pai de família, insigne pela caridade para com os pobres, foi aprisionado no tempo do imperador Minh Mang por ter dado hospedagem aos missionários e, depois de sofrer longo tempo de cativeiro e frequentes flagelações, finalmente degolado consumou o seu martírio. 

(† 1840)

12*.   Perto de Cracóvia, na Polónia, o Beato Pio Bartosik, presbítero da Ordem dos Frades Menores Conventuais e mártir, que, durante a ocupação militar da Polónia por um regime estrangeiro hostil a Deus, desfalecido pelas torturas no campo de concentração de Auschwitz, consumou o seu martírio por Cristo.

(† 1941)