Martirológio Romano

Jun 08, 2018

1.   Em Aix-La-Provence, na Provença, região da Gália, na actual França, São Maximino, a quem se atribuem os inícios da fé cristã nesta cidade.

(† data inc.)

2.   Em Ruão, também na Gália, hoje na França, São Gildardo, bispo.

(† d. 511)

3.   Em Soissons, também na Gália, hoje na França, São Medardo, bispo de Saint-Quentin, que, depois de ter sido arrasada a sua cidade, transferiu a sede episcopal para Noyon, onde trabalhou com todo o empenho para converter o povo das superstições pagãs à doutrina de Cristo.

(† 561)

4.   Em Fano, no Piceno, hoje nas Marcas, região da Itália, São Fortunato, bispo, que se dedicou diligentemente à redenção dos cativos.

(† s. VI f.)

5.   Em Metz, na Austrásia, actualmente na França, São Clodolfo, bispo, filho de Santo Arnolfo e conselheiro do rei.

(† c. 660)

6.   Em York, na Inglaterra, São Guilherme Fitzherbert, bispo, homem afável e pacífico, que, injustamente deposto da sua sede episcopal, se recolheu entre os monges de Winchester e, restituído à sua sede, perdoou aos inimigos e restabeleceu a paz entre os cidadãos.

(† 1154)

7*.   Em Londres, o Beato João Davy, diácono da Cartuxa desta cidade e mártir, que, no reinado de Henrique VIII, por causa da sua fidelidade à Igreja e ao Pontífice Romano, foi duramente torturado no cárcere e aí morreu de fome.

(† 1537)

8.   Em Ambiatibes, na ilha de Madagáscar, o São Tiago Berthieu, presbítero da Companhia de Jesus e mártir, que, tanto na paz como na guerra, trabalhou incansavelmente pelo Evangelho e, apesar de ter sido expulso três vezes das missões, preso por homens armados e repetidamente instado sem êxito à apostasia, foi finalmente assassinado em ódio à fé cristã.

(† 1896)

9*.   No Porto, cidade de Portugal, a Beata Maria do Divino Coração de Jesus (Maria Droste zu Vischering), virgem, da Congregação das Irmãs da Caridade do Bom Pastor, que promoveu admiravelmente a devoção ao Sagrado Coração de Jesus.

(† 1899)

10*.   Em Kuzhikkattussery, no Kérala, estado da Índia, a Beata Maria Teresa Chiramel Mankidiyan, virgem, eminente pela sua vida eremítica e austera penitência, que procurou a Cristo nos mais pobres e nos mais abandonados e fundou a Congregação das Irmãs da Sagrada Família.

(† 1926)

11*.   Em Cágliari, na Sardenha, o Beato Nicolau de Gestúri (João Medda), religioso da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos, que, sempre pronto para ajudar os indigentes, com o exemplo da sua virtude e da sua bondade estimulou muitos outros à prática da caridade para com os pobres.

(† 1958)