Martirológio Romano

Mar 21, 2017

1.   No Egipto, São Serapião, anacoreta.

(† data inc.)

2.   Comemoração dos santos mártires de Alexandria, que, no tempo do imperador Constâncio e do prefeito Filágrio, dentro das igrejas invadidas por arianos e pagãos, foram mortos na Sexta-Feira da Paixão do Senhor.

(† 339)

3.   Em Lauconne, na Gália Lionense, actualmente na França, o dia natal de São Lupicino, abade, que, com o seu irmão São Romão, seguiu a observância da vida monástica nos montes Jura.

(† 480)

4*.   Na Irlanda, Santo Endeu, abade, que fundou na ilha de Aran um cenóbio tão célebre que, pela sua fama, era chamada ilha dos Santos.

(† c. 542)

5.   Em Montecassino, na Itália, o dia natal de São Bento, abade, cuja memória é celebrada no dia onze de Julho.

(† 547)

6.   Em Constantinopla, hoje Istambul, na Turquia, a paixão de São Tiago Confessor, que lutou arduamente pelo culto das sagradas imagens e terminou a sua vida com um glorioso martírio.

(† c. 824)

7.   Em Valence, no território de Vienne, na França, São João, bispo, anteriormente abade de Bonnevaux, que sofreu muitas adversidades pela defesa da justiça e ajudou com exímia caridade os camponeses, os pobres e os mercadores arruinados pelas dívidas.

(† c.1145)

8.   Na região montanhosa de Ranft, perto de Sachseln, na Suíça, São Nicolau de Flüe, que, chamado por inspiração celeste a uma condição de vida mais perfeita, se separou da esposa e dos dez filhos e foi viver num monte como anacoreta. Famoso pela duríssima penitência e isolamento do mundo, apenas uma vez saiu da solidão, quando, perante a ameaça da guerra civil, com uma breve exortação conciliou os adversários.

(† 1487)

9*.   Em Dorchester, na Inglaterra, o Beato Tomás Pilchard, presbítero e mártir, homem culto e afável, que, no reinado de Isabel I, foi condenado ao suplício da forca em ódio ao sacerdócio. Com ele comemora-se também Guilherme Pike, mártir, um carpinteiro, que no mesmo lugar e em dia desconhecido, por ordem da mesma rainha foi crudelissimamente dissecado por se ter reconciliado com a Igreja Romana.

(† 1591)

10*.   Em York, também na Inglaterra, o Beato Mateus Flathers, presbítero e mártir, que tendo sido aluno do Colégio dos Ingleses de Douai, no reinado de Jaime I foi dilacerado vivo pela sua fidelidade a Cristo.

(† 1608)

11.   Em Sichuan, província da China, a comemoração de Santo Agostinho Zhao Rong, presbítero e mártir, que, durante a perseguição, foi preso e morto pelo nome de Cristo num dia incerto de primavera.

(† 1815)

12*.   Em Ronco Scrívia, na Ligúria, região da Itália, Santa Benedita Cambiágio Frassinello, que de acordo com o esposo renunciou à vida conjugal e fundou o Instituto das Irmãs Beneditinas da Providência, para a formação das jovens pobres e abandonadas.

(† 1858)

13♦.   Em Atotonilco, perto de Guadalajara, região de Jalisco, no México, o Beato Miguel Gómez Loza, pai de família e mártir. 

(† 1928)