Martirológio Romano

Jan 25, 2017

Festa da Conversão de São Paulo, Apóstolo, ao qual, quando ia para Damasco, ainda respirando ameaças de morte contra os discípulos do Senhor, o próprio Jesus glorioso Se apresentou no caminho e o escolheu, para que, cheio do Espírito Santo, anunciasse o Evangelho da salvação aos gentios, padecendo muitas tribulações pelo nome de Cristo. 

(† c. 67)

2.   Comemoração de Santo Ananias, discípulo do Senhor, que baptizou Paulo, depois da sua conversão.

3*.   Em Pozzuólli, na Campânia, região da Itália, Santo Artemas, mártir.

(† s. III-IV)

4.   Em Cartago, na actual Tunísia, Santo Agileu, mártir, em cujo dia natal Santo Agostinho pregou na sua basílica um sermão ao povo em sua honra.

(† s. III-IV)

5.   Em Nazianzo, na Capadócia, hoje Nenízi, na Turquia, o dia natal de São Gregório, bispo, cuja memória é celebrada no dia 2 de Janeiro.

(† c. 389)

6.   Comemoração de São Bretanião, bispo de Tómis, na Cítia, hoje Constança, na Roménia, que, no tempo do imperador ariano Valente, a quem resistiu com grande fortaleza, foi eminente pela sua admirável santidade e pelo seu zelo na defesa da fé católica.

(† s. IV)

7.   Em Tabenna, na Tebaida, região do Egipto, São Palémon, anacoreta, intensamente consagrado à oração e à contínua penitência, que foi mestre de São Pacómio.

(† s. IV)

9.   Em Marchiennes, na Flandres, também na actual França, São Popão, abade de Stabelot e de Malmédy, que difundiu em muitos mosteiros da Lotaríngia a observância de Cluny.

(† 1048)

10*.   Em Ulm, na Suábia, região da Alemanha, o beato Henrique Suso, presbítero da Ordem dos Pregadores, que suportou pacientemente inúmeras tribulações e enfermidades, compôs um tratado sobre a sabedoria eterna e pregou assiduamente sobre o suavíssimo nome de Jesus.

(† 1366)

11*.   Em Amândola, no Piceno, hoje região das Marcas, na Itália, o beato António Miglioráti, presbítero da Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho.

(† 1450)

12*.   Em Mântua, na Lombardia, região da Itália, a Beata Arcângela Girláni (Leonor Girláni), virgem da Ordem das Carmelitas, prioresa do convento de Parma e fundadora do cenóbio de Mântua.

(† 1495)

13*.   Em Tortosa, na Espanha, o Beato Manuel Domingo y Sol, presbítero, que instituiu a Sociedade dos Sacerdotes Operários do Coração de Jesus, para fomentar vocações sacerdotais.

(† 1909)

14*.   Em Alessândria, no Piemonte, região da Itália, a beata Maria Antónia (Teresa Grillo), religiosa, que, ao ficar viúva, se dedicou misericordiosamente às necessidades dos pobres e, vendendo tudo o que possuía, fundou a Congregação das Irmãzinhas da Divina Providência.

(† 1944)

15*.   No campo de concentração de Dachau, perto de Munique, cidade da Baviera, na Alemanha, o Beato António Swiadek, presbítero e mártir, que, em tempo de guerra, por defender a fé perante os sequazes de doutrinas hostis a toda a dignidade humana e cristã, recebeu a coroa imperecível de glória.

(† 1945)

8.   Em Arvena, na Aquitânia, hoje Clermont-Ferrand, na França, os santos Preste, bispo, e Amarino, homem de Deus, ambos mortos às mãos dos notáveis da cidade.

(† 676)