Martirológio Romano

Mar 26, 2017

 

1.   Em Roma, junto à Via Labicana, São Cástulo, mártir.

(† data inc.)

2.   Na Anatólia, na actual Turquia, os santos Manuel, Sabino, Quadrato e Teodósio, mártires.

(† data inc.)

3.   Em Sirmium, na Panónia, hoje Sremska Mitrovica, na Sérvia, os santos mártires Montano, presbítero, e Máxima, esposos, que, segundo a tradição, por confessarem a sua fé em Cristo Senhor foram precipitados no mar por alguns infiéis.

(† c. 304)

4.   Comemoração da paixão de Santo Eutíquio, subdiácono de Alexandria, que, no tempo do imperador Constâncio, sendo bispo da cidade o ariano Jorge, morreu pela sua fé católica.

(† 356)

5.   Em Sebaste, na antiga Arménia, hoje Sivas, na Turquia, São Pedro, bispo, irmão mais novo de São Basílio Magno, que foi insigne defensor da recta fé contra os arianos.

(† c. 391)

6.   No mosteiro de Montier-en-Der, no território de Champagne, actualmente na França, São Bercário, primeiro abade de Hautvillers e de Montier-en-Der, que, ferozmente apunhalado por um perverso monge no dia da Ceia do Senhor, passou ao reino celeste no dia da Ressurreição.

(† 685)

7.   Em Montalbano, na Etrúria, hoje na Toscana, região da Itália, os santos Barôncio e Desidério, eremitas.

(† s. VII)

8.   No mosteiro de Werden, na Saxónia, hoje na Alemanha, o passamento de São Ludgero, bispo, que, instruído por Alcuíno, pregou o Evangelho na Frísia, na Dinamarca e na Saxónia, constituiu a sede episcopal de Münster e fundou vários mosteiros, verdadeiros centros de propagação da fé.

(† 809)

9*.   Em Catânia, cidade da Sicília, na Itália, a Beata Madalena Catarina Morano, virgem do Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora, que se consagrou à obra da catequese, percorrendo incansavelmente ao longe e ao largo toda esta região.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(† 1908)